A Culpa é das Estrelas - John Green

23:49:00 2 Comments A+ a-

- Balanço Solitário e Ligeiramente Pedofílico Procura Bubuns de Crianças - falei.
Ele riu.
-É por isso.
- O quê?
- É por isso que gosto de você. Você tem ideia de como é raro encontrar uma gata que use essa versão adjetivada do substantivo pedófilo? Você está tão ocupada sendo você mesma que não faz ideia de quão absolutamente sem igual você é. p.117

Sinopse: Em A Culpa é das Estrelas, Hazel é uma paciente terminal de 16 anos que tem câncer desde os 13. Ainda que, por um milagre da medicina, seu tumor tenha encolhido bastante — o que lhe dá a promessa de viver mais alguns anos —, o último capítulo de sua história foi escrito no momento do diagnóstico. Mas em todo bom enredo há uma reviravolta, e a de Hazel se chama Augustus Waters, um garoto bonito que certo dia aparece no Grupo de Apoio a Crianças com Câncer. Juntos, os dois vão preencher o pequeno infinito das páginas em branco de suas vidas.
A partir do momento em que Augustus entra na estória, e na vida de Hazel, o modo como ela vê a vida muda. As coisas parecem, simplesmente, ficarem mais fáceis. Mágica acontece. E ao mesmo tempo, nada muda. Sua doença não cede, ela ainda precisa de aparelhos para respirar e ela sabe que a qualquer hora ela não vai mais estar por ali. Quando Augustus aparece, Hazel ganha a oportunidade de viver experiências que muita gente passa a vida inteira sonhando em ter. Ela passa a viver, mesmo que estivesse morrendo.
"Hazel Grace, quando se é charmoso e fisicamente atraente como eu, é fácil demais seduzir quem você conhece. Mas fazer com que completos desconhecidos o amem... isso sim é um desafio." p. 213
Augustus é sobrevivente de câncer, teve como consequência uma perna amputada. E apesar de poder passar a vida reclamando disso, é do tipo de pessoa que prefere enxergar o lado bom das coisas. Incrivelmente inteligente e otimista, ele vê em Hazel a pessoa por quem logo se apaixona e não pretende deixá-la ficar longe dele pelo fato de ela ser uma paciente terminal.
-Estou apaixonado por você - ele disse, baixinho.
- Augustus - falei.
- Eu estou - ele disse, me encarando, e pude ver o canto de seus olhos se enrugando. - Estou apaixonado por você e não quero me negar o simples prazer de compartilhar algo verdadeiro. Estou apaixonado por você, e sei que o amor é apenas um grito no vácuo, e que o esquecimento é inevitável, e que estamos todos condenados ao fim, e que haverá um dia em que tudo o que fizemos voltará ao pó, e sei que o sol vai engolir a única Terra que podemos chamar de nossa, e eu estou apaixonado por você. p. 142

Quando o livro foi lançado aqui as críticas eram tão boas, mas tão boas que eu não pude deixar de colocar ACEDE nos meus desejados. Mesmo sabendo do que se tratava e mesmo sabendo que me traria lembranças que não são agradáveis. Ainda assim não resisti, e apesar de ser uma estória que me fez virar a última página sentindo um vazio no peito, e de não saber até agora quantas estrelas esse livro merece, ACEDE com certeza foi um dos melhores livros que li esse ano. E não é por causa do romance lindo que foi escrito; mas sim pelos personagens que são fortes e marcantes - exceto Van Houten, o escritor preferido de Hazel. 

Esse é um livro para ser lido sabendo que os personagens não são ideais. São tão cheios de sentimentos, são tão falhos, têm tanto medo, sentem tanta dor... e ainda assim, do jeito deles, tentam continuar dia após dia e, aos poucos, com ajuda das pessoas que os amam. Tentam viver da melhor forma até que o final de suas histórias chegue.

Estudante de Engenharia de Alimentos na UFRPE, leitora nas horas vagas, viciada em coisas boas, sonha demais.

2 comentários

Write comentários
30 de dezembro de 2012 23:52 delete

eu quero muito ler, quem sabe no ano que vem..=]
http://livrosumvicio.blogspot.com.br

Reply
avatar
Caline
AUTHOR
3 de janeiro de 2013 13:30 delete

Tenho desejado esse livro há tanto tempo e ainda não tive a chance de lê-lo. Tenho até medo do jeito que eu sou do contra, de ter altas expectativas e acabar não curtindo tanto como aconteceu com Um Dia.
Mas não importa, preciso muito conhecer a história de Augustus e Hazel.


Beijos
Caline

Reply
avatar

Olá.
Obrigada pela visita! Sinta-se a vontade para comentar, e não tenha vergonha de escrever alguma dúvida ou sugestão. Sua opinião é importante para mim!