Fiquei magra, e agora? - Bruna Gasgon

21:55:00 2 Comments A+ a-

Quando eu soube que o Jardim dos Livros, selo da editora Geração Editorial estava para lançar este livro, fiquei interessada em ler. Porque, mesmo tendo uma ideia do que se é abordado em livros de autoajuda quando o assunto é emagrecer, eu queria saber como era o ponto de vista de uma mulher que sofria por ser magra demais – fora que a capa é linda!

A escritora fala de como era para ela ser magra demais numa época em que os ícones da beleza eram mulheres ‘carnudas’. Ela sempre quis ser gordinha, não gostava de si mesma, e por fim, depois de se esconder por uma parte de sua vida, decidiu mudar.

Ela fala muito de ambos os tipos de mulheres, as gordas que querem emagrecer, e as magras que querem engordar. Fala como parece que ninguém está satisfeita, e, quando está, as pessoas fazem pressão para que fique nos padrões.

Não há muito o que dizer sobre o livro, além do que citei acima e da arte - que é bem caprichada. Mas achei realmente interessante alguém escrever sobre como tem magras que não gostam se ser como são, porque, como a autora mesma citou, para as gordas existem milhares de exemplares sobre dietas e como controlar a ansiedade, já para as magras...

Suas opiniões e histórias são bem bacanas, e a mensagem que passa é simples e direta: você não tem que ficar bem para os outros, e sim para você mesma. Não adianta as pessoas te acharem linda e você se achar horrorosa.  Mude apenas se você quiser isso.

Estudante de Engenharia de Alimentos na UFRPE, leitora nas horas vagas, viciada em coisas boas, sonha demais.

2 comentários

Write comentários
Livia
AUTHOR
29 de agosto de 2011 22:50 delete

Que legal esse tema, achei o titulo o maximo e gostei muito do assunto!!!

Reply
avatar
7 de setembro de 2011 09:49 delete

esse livro deve ser ótimo... ehhehehe...
que setembro seja mto doce nahhhhhhhhhhhhh! ^^

Reply
avatar

Olá.
Obrigada pela visita! Sinta-se a vontade para comentar, e não tenha vergonha de escrever alguma dúvida ou sugestão. Sua opinião é importante para mim!