The Statistical Probability of Love at First Sight - Jennifer E. Smith

15:10:00 2 Comments A+ a-

"Because the truth is now that he's here, she can't imagine it any other way. Now that he's here, she worries that crossing an entire ocean with someone between them might be something like torture. " p.46
"Porque a verdade é que agora que ele está aqui ela não pode imaginar isso de outra forma. Agora que ele está aqui ela acha que atravessar um oceano inteiro com alguém entre eles seria uma tortura."

Hadley é americana, mas seu pai mora na Inglaterra e vai se casar com uma mulher que ela nunca chegou a conhecer. Ele trocou sua família por uma nova vida com uma nova mulher por quem se apaixonou, e ela não está muito feliz em ter que atravessar o oceano para ser testemunha dessa união.

Ao chegar no aeroporto atrasada por quatro minutos, Hadley perde o voo e acaba conhecendo Oliver, um universitário britânico que estuda em Yale. Por coincidência, acabam viajando juntos, dividindo histórias e risadas. Dividindo uma cumplicidade que várias pessoas passam a vida inteira tentando, mas sem sucesso.

Ao chegarem ao destino deles, acabam se desencontrando. Passaram o voo inteiro sem trocar telefones, mas ele sabe onde encontrá-la... se quiser. Mas, durante o casamento de seu pai, ela recebe uma pista de onde Oliver possa estar, e apesar de nunca ter ido à Londres antes, o destino parece dar dicas de onde encontrá-lo.

He's like a song she can't get out of her head. Hard as she tries, the melody of their meeting runs through her mind on an endless loop, each time as surprisingly sweet as the last, like a lullaby, like a hymn, and she doesn't think she could ever get tired of hearing it. p.110
Ele é como uma canção que ela não consegue tirar da cabeça. Por mais que ela tente, a melodia do encontro deles passa por sua mente em um loop infinito, cada vez tão surpreendentemente doce com a última, como uma canção de ninar, como um hino, e ela não acha que poderia se cansar de ouvi-lo.

Esse é um livro sobre encontros e desencontros. Sobre como lidar com cada um deles, sobre correr atrás do que você quer. Sobre perdoar. Hadley é uma adolescente que precisa lidar com toda a mágoa de uma separação repentina entre os pais e Oliver, mesmo tendo que lidar com seus próprios demônios não deixa de ter uma personalidade divertida e espontânea; não tem como não gostar dele.

"What are you really studying?"
He leans back to look at her. "The statistical probability of love at first sight."
"Very funny," she says. "What is it really?"
"I'm serious."
"I don't believe you."
"People who meet in airports are seventy-two percent more likely to fall for each other than people who meet anywhere else." p.235
"O que você está estudando?"
Ele se curva para trás para olhá-la. "A probabilidade estatística do amor à primeira vista."
"Muito engraçado," ela diz. "Sério, o que é?"
"Estou falando sério."
"Não acredito em você."
"As pessoas que se conhecem em aeroportos têm 72% a mais de chance de se apaixonarem do que as pessoas que se apaixonam em qualquer outro lugar."

Esse é um livro tão fofo, tão rápido - tudo acontece em 24h - e tão não-cliché... era exatamente o que eu precisava para sair da ressaca que estava me afligindo. Passei muito tempo enrolando para comprá-lo, mas antes tarde do que nunca. Esse livro foi lançado esse mês pela Editora Record com o título A Probabilidade Estatística do Amor À Primeira Vista. Recomendo!


Estudante de Engenharia de Alimentos na UFRPE, leitora nas horas vagas, viciada em coisas boas, sonha demais.

2 comentários

Write comentários
Fernanda Falleiro
AUTHOR
13 de abril de 2013 16:43 delete

Oie!
Não sou muito desses livros cliché, mas realmente quando estou meio de ressaca, meio sem saco leio eles pq SEMPRE prendem a gente e acabamos rapidinhos.
Bjocass

Reply
avatar
Caline
AUTHOR
14 de abril de 2013 00:52 delete

AÊEEEEEEE, até que fim uma resenha nova. Pelo jeito o problema não era só falta de tempo por causa da universidade mas era também a falta do livro certo. Eu atualmente estou sem nenhum dos dois, mas enfim vamos voltar a sua resenha.
Só leio coisas fofas sobre esse livro e o fato dele acontecer em 24 horas dá um dinamismo bem interessante a história. Quero ele pra ontem.


Xero
Caline

Reply
avatar

Olá.
Obrigada pela visita! Sinta-se a vontade para comentar, e não tenha vergonha de escrever alguma dúvida ou sugestão. Sua opinião é importante para mim!